UFC Washington DC: Nocaute brutal, empates e uma rara finalização

Em uma noite repleta de eventos de luta, o UFC trouxe à capital norte-americana o duelo entre os pesados Alistair Overeem e Jairzinho Rozenstruik como luta principal do UFC Washington. O desfecho da luta foi esperado, um nocaute, porém o que não se imaginava é que fosse levar tanto tempo. Rozenstruik conseguiu nocautear o veterano Overeem no quinto round, faltando poucos segundos para soar o gongo. Neste momento, Rozenstruik estava perdendo os 4 rounds na pontuação, até conseguir um poderoso soco de direita que levou Overeem a nocaute imediato.


Na segunda principal luta da noite, entre a brasileira Marina Rodriguez e a norte-americana Cynthia Calvillo houve um resultado atípico, um empate, que inclusive foi o segundo do card (Cody Stamann e Song Yadong também empataram na segunda luta do card principal).

Outro destaque foi a luta entre Bryce Mitchell e Matt Sayles. Mitchell venceu por uma rara finalização (twister), vista no UFC pela segunda vez (o primeiro a conseguir a finalização foi “The Korean Zombie” Chan Sung Jung. Não à toa, Mitchell recebeu o bônus (de US$50 mil) de finalização da noite.


Houveram contratempos para a organização do card. Poucos meses antes do evento, tanto a luta principal como a segunda luta principal tiveram baixas. Walt Harris estava oficialmente escalado para enfrentar Overeem, porém ele teve que abandonar o card por motivos pessoais. Em seu lugar entrou Jairzinho Rozenstruik, que vinha de uma sequência de três vitórias no UFC, todas por nocaute. Claudia Gadelha também teve que se retirar da disputa contra Cynthia Calvillo. A brasileira teve uma fratura no dedo e uma lesão no tornozelo. Outra brasileira, Marina Rodriguez entrou no lugar de Gadelha.


Na primeira passagem do UFC por Washington em 2011, Dominick Cruz e Demetrious Johnson fizeram a luta principal, valendo cinturão galo. Na ocasião Cruz venceu por decisão unânime Demetrious, que fazia na época sua terceira luta pelo UFC. A partir daquela luta, Demetrious desceu para a divisão mosca e iniciou uma sequência impressionante de vitórias, dominando a divisão de ponta a ponta.


Card principal


Alistair Overeem vs. Jairzinho Rozenstruik

Categoria: Pesado

Jairzinho Rozenstruik vence Alistair Overeem por nocaute no 5R

Com um nocaute devastador, Jairzinho Rozenstruik (10-0-0) nocauteou Alistair Overeem (45-18-0) no último round, faltando alguns segundos para o fim da luta. Aparentemente, Rozenstruik estava contrariado com Overeem que durante a semana afirmou em entrevista à imprensa que os dois lutadores não estavam no mesmo nível. Esse foi o motivo de Rozenstruik não ter comprimentado Overeem no inicio da luta.


Como era esperado, Overeem evitou trocar golpes com Rozenstruik e buscou a luta no chão no primeiro round. O segundo round foi bem morno, com uma ligeira vantagem para Overeem. Overeem passou boa parte do round no clinch. Dessa vez houve apenas uma tentativa (mal-sucedida) de queda do holandês. O round seguinte, novamente, foi fraco, com os dois lutadores pouco combativos. Overeem estava ligeiramente superior no chão, além disso conseguiu uma boa queda no final do round, dominando a partir de então no chão, o que lhe garantiu mais um round a seu favor. No quarto round foi a vez de Rozenstruik se destacar. Rozenstruik conseguiu desferir os golpes mais contundentes, com duas boas sequências de golpes. No quinto e último round, Rozenstruik acertou um golpe certeiro de direita que levou Overeem a nocaute imediato. O golpe foi tão forte que rasgou o lábio de Overeem, que seguia melhor no round (e na luta).


Marina Rodriguez vs. Cynthia Calvillo

Categoria: Palha (feminino)

Empate majoritário entre Marina Rodriguez e Cynthia Calvillo

Em outra luta sem vencedor, Marina Rodriguez (12-0-2) e Cynthia Calvillo (8-1-1) saíram do UFC Washington com um empate por decisão majoritária.


Rodriguez fez um excelente round, mostrando superioridade quase que total na trocação em pé. Ao longo do round Calvillo sofreu uma série de golpes contundentes. A norte-americana só conseguiu ser superior nos poucos minutos em que a luta esteve no chão. A brasileira continuou com uma ampla margem no segundo round, mostrando bastante superioridade no jogo em pé. Estranhamente, Calvillo quase não explorou as tentativas de queda no segundo round, que foi justamente onde ela esteve melhor no round anterior. Diferente dos rounds anteriores, Calvillo dominou todo o round final, onde justamente ela estava melhor, no chão. Em um determinado momento da luta, o árbitro esteve muito próximo de decretar um nocaute técnico dado a contundência dos golpes de Calvillo no chão.


Stefan Struve vs. Ben Rothwell

Categoria: Pesado

Ben Rothwell vence Stefan Struve por nocaute no 3R

Em um duelo de pesados, Ben Rothwell (37-12-0) venceu por nocaute técnico Stefan Struve (29-12-0) no final do segundo round. A luta foi polêmica. Rothwell acertou Struve com dois chutes baixos. O segundo chute inclusive levou o árbitro Dan Miragliotta a descontar um ponto de Rothwell.


O primeiro round foi bastante morno, com pouca atividade de ambos os lutadores. Struve saiu com ligeira vantagem por conta dos golpes mais precisos (a maioria chutes na altura das pernas). Porém no final do round, Struve levou um chute baixo não-intencional, que quase o tirou de ação. No segundo round, houve mais trocação entre ambos, mas com um baixo nível técnico. E, incrivelmente, Rothwell acertou outro chute baixo em Struve no final do round, levando outra interrupção da luta e dessa vez um ponto descontado de Rothwell. Quando a luta voltou da interrupção por conta do golpe baixo, Rothwell entrou com um senso de urgência ligado. E deu início a uma trocação franca, que acabou dando resultado. Struve sentiu a perna ao desferir um chute baixo e na sequência foi acertado por uma série de golpes que levaram ao nocaute técnico.


Aspen Ladd vs. Yana Kunitskaya

Categoria: Galo (feminino)

Aspen Ladd vence por nocaute técnico Yana Kunitskaya no 3R

Em uma luta com um final sensacional, Aspen Ladd (9-1-0) venceu Yana Kunitskaya (12-5-0) por nocaute técnico no terceiro round. A luta se encaminhava para uma vitória de Kunitskaya porém no round final, após orientação do coach de Ladd, a norte-americana entrou no último round com senso de urgência e pôs um fim rápido a luta.


O primeiro round foi bastante parelho. Kunitskaya estava melhor em boa parte do round, anulando o jogo de Ladd na grade, desferindo poucos golpes. Porém no final do round, Ladd conseguiu derrubar a russa e foi superior no ground and pound. O segundo round foi muito parecido com o anterior. Kunitskaya manteve a estratégia usada no primeiro round, de levar a luta para o clinch para não dar espaço à Ladd. No final do round, Ladd derrubou Kunitskaya, porém dessa vez ela não teve espaço para desferir uma sequência de golpes como no primeiro round. No round final, após uma dura de seu coach (que pedia por mais agressividade), Ladd iniciou o round com um golpe certeiro no queixo de Kunitskaya que a levou a knock-down. Na sequência, Ladd iniciou uma série de golpes contundentes que levaram o árbitro a encerrar a luta por nocaute técnico.


Maior número de nocautes na história da divisão galo (feminino):

1) Amanda Nunes (6 KOs)

2) Ronda Rouseys (3 KOs)

3) Germaine de Randamie (3 KOs)

4) Aspen Ladd (3 KOs)


Cody Stamann vs. Song Yadong

Categoria: Galo

Empate majoritário entre Cody Stamann e Song Yadong

Na segunda luta da noite, apesar do melhor desempenho de Song Yadong (14-4-1), uma joelhada ilegal desferida por ele no primeiro round decidiu o resultado da luta. O resultado final, foi um empate majoritário (29-27, 28-28, 28-28) entre Yadong e Cody Stamann.


Yadong foi melhor no primeiro round. Bastante versátil, o chinês conseguiu bons golpes no round. Seu melhor momento foi uma guilhotina obtida a partir de uma defesa de queda. Porém, uma joelhada ilegal aplicada por Yadong acabou pesando contra, empatando o round em nossa visão. Yadong continuou melhor no segundo round, mostrando um maior volume de golpes. Apesar das duas quedas sofridas, Yadong conseguiu se sair muito bem quando a luta foi para o chão, escapando com relativa facilidade. No round final, Stamann surpreendeu e dominou Yadong em boa parte do round. Finalmente o jogo de queda de Stamann deu resultado. No chão, o norte-americano passou grande parte do round desferindo no ground and pound (diversos golpes no chinês).


Rob Font vs. Ricky Simon

Categoria: Galo

Rob Font vence Ricky Simon por decisão unânime (29-28, 29-28, 30-27)

Na primeira luta do card principal, Rob Font (17-4-0), décimo do ranking da divisão galo, venceu Ricky Simon (15-3-0) por decisão unânime (29-28, 29-28, 30-27) em uma luta bastante empolgante.


O primeiro round começou bastante movimentado. Font começou mais preciso na trocação, mas ao longo do round, o estilo elétrico de Simon se sobressaiu. Simon conseguiu mostrar um maior volume de golpes, inclusive significativos e quedas. Font se recuperou no segundo round, conseguindo os golpes mais contundentes. Apesar das duas quedas sofridas ele também esteve melhor nas defesas de queda. Em uma dessas quedas ele conseguiu inclusive quase encaixar uma guilhotina. Com a luta claramente empatada, ambos os lutadores deram tudo de si no round final, garantindo mais um round empolgante. Foi no geral um round bastante parelho, porém com uma ligeira vantagem para Font que mais uma vez conseguiu os golpes mais contundentes.


Por Silvio Doria e Flavio Dória

Pós-Luta / Post-Fight

Nosso objetivo é trazer a nossos leitores reportagens e análises de qualidade, além de coberturas play-by-play de eventos do mundo do MMA e do Boxe. Trabalho desenvolvido por Silvio e Flavio Doria (registro de jornalistas: MTB 0082740/SP e MTB 0080216/SP, respectivamente), ambos membros da MMA Journalists Association. 

PosLuta.com | Copyright © 2019 | Todos os direitos reservados.