UFC Vegas 9: Sakai é nocauteado no menor card da história do UFC

O covid-19 fez mais baixas neste card do UFC Fight Night 176: Overeem vs. Sakai (ou na numeração alternativa, UFC on ESPN+ 34 ou UFC Vegas 9). Foram canceladas 3 lutas na véspera do evento, o que deixou o card restrito a apenas 7 lutas, menor card da história do UFC, empatado com o UFC Ultimate Fight Night 2 em 2005 (também com 7 lutas). Ricky Simon e os colegas de equipe (American Top Team), Thiago Moisés e Marcos Rogério de Lima, o Pezão, testaram positivo para o covid-19.


Pela luta principal, Alistair Overeem (47-18-1) venceu por nocaute técnico o brasileiro Augusto Sakai (15-2-1) em uma luta brutal de 5 rounds. Na co-luta principal, Ovince Saint Preux (25-14-0) venceu Alonzo Menifield (9-2-0) por nocaute no segundo round. Menifield começou de forma agressiva o round inicial, mas logo o ritmo do combate foi baixando. Apesar de se movimentar pouco, OSP nos pareceu melhor no primeiro round, sendo mais efetivo nos golpes. OSP continuou a mesma estratégia do round anterior, atacando pouco, mas de forma mais precisa. Até que no final do round, OSP acertou um direto de esquerda no queixo de Menifield, levando-o a nocaute de imediato.


Card principal


Alistair Overeem vs. Augusto Sakai

Categoria: Pesado

Alistair Overeem vence Augusto Sakai por nocaute técnico no 5R

Em uma luta brutal, Alistair Overeem (47-18-1) venceu por nocaute técnico o brasileiro Augusto Sakai (15-2-1).


O brasileiro saiu do primeiro round em vantagem. Sakai teve um bom momento no inicio do round quando levou a luta para o clinch. No final, ainda conseguiu uma boa combinação de golpes sobre Overeem. No segundo round, Sakai continuou em vantagem, mostrando um volume maior de golpes, inclusive golpes contundentes. Overeem nos parece ligeiramente melhor no terceiro round, que diga-se de passagem foi o mais parelho da luta. No final do round, Overeem conseguiu derrubar Sakai e o castigou com poderosos golpes. Overeem estava levando a pior no começo do quarto round, mas do meio para o final se recuperou ao derrubar o brasileiro e agredi-lo de forma contundente no chão, inclusive com poderosas cotoveladas. No round final, Overrem voltou à estratégia de quedar Sakai e ataca-lo com violentas cotoveladas, que acabaram levando ao fim a luta.


Overeem agora é o sexto lutador dos pesados com mais nocautes na organização (9 nocautes).


Ovince Saint Preux vs. Alonzo Menifield

Categoria: Meio Pesado

Ovince Saint Preux vence Alonzo Menifield por nocaute no 2R

Em outra boa luta, Ovince Saint Preux (25-14-0) venceu Alonzo Menifield (9-2-0) por nocaute no segundo round.


Menifield começou de forma agressiva o round inicial, mas logo o ritmo do combate foi baixando. Apesar de se movimentar pouco, OSP nos pareceu melhor no primeiro round, sendo mais efetivo nos golpes. OSP continuou a mesma estratégia do round anterior, atacando pouco, mas de forma mais precisa. Até que no final do round, OSP acertou um direto de esquerda no queixo de Menifield, levando-o a nocaute de imediato.


Michel Pereira vs. Zelim Imadaev

Categoria: Meio Pesado

Michel Pereira vence Zelim Imadaev por finalização no 3R

Em uma performance sensacional, Michel Pereira (24-11-0) venceu por finalização o russo Zelim Imadaev (8-2-0) no terceiro round. Em entrevista após a luta, Michel chegou até a desafiar Jorge Masvidal.


O primeiro round começou bastante parelho, com ambos se estudando, porém Michel Pereira começou a se soltar do meio para o final do round. O brasileiro começou a mostrar seu estilo único de luta, com joelhadas voadoras e fintas. O russo chegou a levar um knock-down no final do round. No segundo round, Michel Pereira continuou melhor na luta. Porém dessa vez o brasileiro se expos menos que no round anterior. No round final, Michel brilhou ainda mais, combinando seu estilo único com bastante agressividade. Sobrou até tapas na cara do russo. No final do round, Michel ainda conseguiu uma finalização por estrangulamento após um suplex cinematográfico.


Andre Muniz vs. Bartosz Fabiński

Categoria: Meio-Médios


Andre Sergipano venceu Bartosz Fabiński facilmente ainda no primeiro round. Fabiński iniciou o round pressionando o brasileiro na grade por boa parte do round, até ser pego em uma guilhotina pelo brasileiro, porém sem sucesso. Logo na sequência, Sergipano partiu para uma transição no braço, conseguindo a finalização.


Brian Kelleher vs. Ray Rodriguez

Categoria: Pena

Brian Kelleher vence Ray Rodriguez por finalização no 1R

Em uma luta rápida, Brian Kelleher (22-11-0) venceu Ray Rodriguez ao finaliza-lo ainda nos segundos iniciais do primeiro round. Rodriguez levou Kelleher para o chão, porém deixou o pescoço exposto e foi facilmente guilhotinado.


Essa foi a terceira finalização mais rápida da história dos penas no UFC, com 39 segundos, atrás apenas de Chas Skelly (19 segs.), Josh Grispi (33 segs.) e Jens Pulver (35 segs.).


Por Silvio e Flavio Doria

Pós-Luta / Post-Fight

Nosso objetivo é trazer a nossos leitores reportagens e análises de qualidade, além de coberturas play-by-play de eventos do mundo do MMA e do Boxe. Trabalho desenvolvido por Silvio e Flavio Doria (registro de jornalistas: MTB 0082740/SP e MTB 0080216/SP, respectivamente), ambos membros da MMA Journalists Association. 

PosLuta.com | Copyright © 2019 | Todos os direitos reservados.