UFC Jacksonville: Glover atropela Smith; OSP perde em sua estreia nos pesados

Suprindo a falta do futebol, o MMA foi o grande destaque no mundo esportivo global na noite de ontem. Único esporte ao vivo, o UFC trouxe seu show para Jacksonville na Florida, Estados Unidos. Fazendo a principal luta do evento, Glover Teixeira derrotou por nocaute técnico Anthony Smith em uma luta brutal. Em um determinado momento da luta, Smith, mesmo sendo atacado por um série de golpes contundentes no chão, teve a frieza de pegar seu dente (que havia caido pro conta dos golpes) e entrega-lo ao arbitro. A cena, que vai render memes pela internet diga-se de passagem, mostra o tamanho da capacidade de Smith de absorver os pesados golpes do brasileiro e fazendo jus ao seu apelido de "Coração de Leão". Pelos pesados, e fazendo a segunda principal luta da noite, Ben Rothwell venceu Ovince Saint Preux por decisão dividida (28-29, 29-28, 29,28 ) em uma luta improvável de três rounds. Saint Preux fazia inclusive sua luta de estreia na divisão dos pesados.


Card principal


Anthony Smith vs. Glover Teixeira

Categoria: Meio-Pesado

Glover Teixeira venceu Anthony Smith por nocaute técnico no 5R

Fazendo a principal luta do evento, Glover Teixeira derrotou por nocaute técnico Anthony Smith em uma luta brutal. Smith levou a vantagem na trocação em pé no primeiro round. Plantado no chão, as boas esquivas de Glover, característica do seu jogo, não foram suficientes para neutralizar alguns golpes de Smith. O ritmo da trocação se intensificou no segundo round, especialmente nos minutos finais. Glover e Smith tiveram seus momentos na trocação, com grandes sequências de golpes. Em nossa visão Glover saiu do round em vantagem. No terceiro round, Glover foi brutal. Se aproveitando do maior cansaço de Smith, Glover castigou-o com uma grande sequência de golpes que quase levou o fim da luta. Smith, acuado caiu no chão e deu as costas, por Glover não teve forças para aproveitar o bom momento e a luta se estendeu. Glover continuou castigando Smith no quarto round, ampliando ainda mais sua vantagem. Em alguns momentos nos pareceu que Smith desejava o fim da luta, tamanho seu cansaço. No round final, Glover manteve um ritmo forte contra um exausto Anthony Smith. Após derrubar o norte-americano, ainda no início do round, Glover caiu montato por cima e se aproveitou de uma sequência de golpes contundentes levando o fim da luta.


Ben Rothwell vs. Ovince Saint Preux

Categoria: Pesado

Ben Rothwell venceu Ovince Saint Preux por decisão dividida (28-29, 29-28, 29,28)

Pelos pesados, em uma luta improvável de três rounds, Ben Rothwell venceu Ovince Saint Preux por decisão dividida (28-29, 29-28, 29,28). Rothwell passou o primeiro round inteiro dominando o centro do octógono, tentando cercar, sem sucesso, Saint Preux. No final do round, Rothwell até conseguiu pressionar OSP no chão, mas sem grande efetividade. A dinâmica do segundo round foi parecida com o primeiro. Com Rothwell tentando encurralar Saint Preux. Rothwell estava bem, chegando inclusive a ferir o rosto de Saint Preux no clinch. Porém no final do round, Rothwell foi acertado por um cruzado, levando quase a knock-down. Ainda assim, vimos vantagem para Rothwell no round. Rothwell aumentou a pressão no round final, tentando tirar vantagem de um exausto Saint Preux. Apenas nos últimos segundos ambos deram início a uma trocação franca, que quase trouxe perigo para Rothwell, que ainda assim levou o round final.


Alexander Hernandez vs. Drew Dober

Categoria: Leve

Drew Dober venceu Alexander Hernandez por nocaute técnico no 2R

Lutando pelos leves, Drew Dober venceu Alexander Hernandez por nocaute técnico ainda no segundo round, em uma boa luta. O primeiro round foi bastante parelho e movimentado. Hernandez começou melhor, conseguindo inclusive derrubar Dober. Porém, do meio para o final do round, Dober cresceu na luta, desferindo mais golpes significativos e garantindo o round a seu favor. No segundo round, Dober cresceu e impôs um ritmo forte sobre Hernandez. No meio do round, Dober cercou Hernandez na grade e após uma sequência de bons golpes, Herb Dean decidiu encerrar a luta, dando vitória a Dober por nocaute técnico.


Ricky Simon vs. Ray Borg

Categoria: Galo


Em uma luta empolgante, Ricky Simon venceu Ray Borg por decisão dividida (28-29, 29-28, 29-28). Essa foi uma importante vitória para Simon que vinha de duas derrotas consecutivas (para Urijah Faber e Rob Font).


O combate começou bastante intenso, bastante movimentado e com ambos trocando bombas com os punhos, com ligeira vantagem para Simon. O ritmo da luta continuou intenso no segundo round, e mais uma vez, com Simon em vantagem no volume de golpes e golpes significativos. O terceiro round foi mais do mesmo: uma movimentação bastante intensa de ambos os lutadores e uma ligeira vantagem para Simon que dessa vez controlou mais a luta no chão.


Andrei Arlovski vs. Philipe Lins

Categoria: Pesado

Andrei Arlovski venceu Philipe Lins por decisão dividida (30-27, 30-27, 29-28)

Lutando pelos pesados, o veterano Andrei Arlovski superou o estreante no UFC, Philipe Lins em uma luta por pontos (decisão unânime, com pontuação de 30-27, 30-27, 29-28). Embora novato na organização, Philipe chegou no evento com status. O brasileiro foi o campeão do torneio dos pesados em 2018 no PFL (2018 PFL Heavyweight Tournament).


Philipe fez um bom primeiro round, lutando de igual pra igual com Arlovski, inclusive se saindo melhor na trocação. No segundo round, Arlovski se saiu melhor. No meio do round, um chute baixo do brasileiro, permitiu que Arlovski recupera-se o folêgo. O round final foi o mais parelho, porém Arlovski se manteve em ligeira vantagem, com um maior volume de golpes significativos.


Michael Johnson vs. Thiago Moisés

Categoria: Leve


Na primeira luta do card principal, pela divisão dos leves, o veterano Michael Johnson enfrentou o brasileiro Thiago Moisés. Ambos vinham de uma sequência ruim na organização. Johnson acumulava 5 derrotas em suas últimas 7 lutas, enquanto que o Moisés vinha de 2 derrotas em suas últimas 3 lutas no evento.


O brasileiro venceu através de sua especialidade, o jogo de chão. Foi uma vitória importante dado o histórico de Johnson que já chegou a ser um dos mais bem ranqueados da divisão dos leves, tendo enfrentado grandes nomes como Khabib Nurmagomedov, Justin Gaethje e Dustin Poirier. O primeiro round foi bastante parelho, porém Johnson se saiu melhor. Dominando o centro do octógono, o americano buscou mais o combate, tomando a iniciativa nos golpes. Não à toa, Johnson terminou a frente em golpes significativos. Em desvantagem na luta em pé (no 1R), Moisés começou o round indo para as pernas de Johnson e deu certo. O brasileiro encaixou uma chave de calcanhar muito bem aplicada, não dando chance ao norte-americano.


Por Silvio e Flavio Doria


Pós-Luta / Post-Fight

Nosso objetivo é trazer a nossos leitores reportagens e análises de qualidade, além de coberturas play-by-play de eventos do mundo do MMA e do Boxe. Trabalho desenvolvido por Silvio e Flavio Doria (registro de jornalistas: MTB 0082740/SP e MTB 0080216/SP, respectivamente), ambos membros da MMA Journalists Association. 

PosLuta.com | Copyright © 2019 | Todos os direitos reservados.