UFC Fight Night 135: Gaethje nocauteia Vick com apenas um soco

Depois de algumas semanas sem um evento do UFC, a organização retornou com mais um excelente card como de praxe. James Vick e Justin Gaethje fizeram a principal luta da noite. O desfecho não poderia ser melhor: uma luta relâmpago, com um nocaute sensacional. Michael Johnson e Andre Fili também fizeram uma excelente luta, com um resultado apertado e, portanto, polêmico. Tivemos ainda um card preliminar rápido, com apenas 2 de 7 lutas indo para decisão dos arbitros de mesa. Para os brasileiros foi uma péssima noite. Dos 5 brasileiros em ação (Rani Yahya, Kalindra Faria, Markus Perez, Iuri Alcântara e Warlley Alves), apenas Yahya conseguiu sair vitorioso. Por fim, Jake Ellenberger, que apesar de ter sido nocauteado por Bryan Barberena, foi um dos destaques da noite. Ellenberger decidiu se aposentar do MMA. Desde 2005 lutando, Ellenberger é um veterâno respeitado no mundo do MMA, mas vinha de uma pessima sequência no UFC, com 3 derrotas consecutivas (4 com essa última luta).


Card Principal


Justin Gaethje (vencedor; nocaute; 1R) vs. James Vick

Categoria: Leve (até 70,8kg)

Justin Gaethje vs. James Vick

Na luta principal da noite, Justin Gaethje com um único soco e em pouco mais de um minuto põe fim a luta contra James Vick. Nocaute sensacional!


Michael Johnson (vencedor; decisão dividida) vs. Andre Fili

Categoria: Pena (até 66,2kg)

Michael Johnson vs. Andre Fili

No co-main event da noite, Michael Johnson e Andre Fili se enfrentaram. No primeiro round, apesar de Fili ter dominado o centro do octogono, Johnson mostrou um volume de jogo superior na trocação, por isso saiu na frente na nossa contagem. O segundo round foi mais parelho, com bons momentos para ambos os lados. Fili depois de mochilar Johson, quase o finalizou num mata-leão. Depois de escapar do golpe, Johnson foi contundente no ground and pound, mas não o suficiente para levar o round na nossa contagem. No último round, a vantagem foi mais clara para um dos lados: Johnson dessa vez. Talvez Fili tenha sentido o cansaço ou não quis se arriscar no último round. Ao final, os arbitros deram vitória para Michael Johnson por decisão dividia (29-28, 27-30, 29-28).


Cortney Casey (vencedora; decisão dividida) vs. Angela Hill

Categoria: Palha - Feminino (até 52,6kg)

Cortney Casey vs. Angela Hill

Em mais uma luta feminina, Cortney Casey fez uma dura batalha de 3 rounds com Angela Hill. No primeiro e segundo round a luta foi muito apertada, com uma ligeira vantagem sobre Hill. No terceiro round, ficou ainda mais clara a paridade entre as duas lutadoras. Ao final, os arbitros deram vitória por decisão dividida a Cortney Casey.


Jake Ellenberger vs. Bryan Barberena (vencedor; nocaute técnico; 1R)

Categoria: Meio-Médio (até 77,6kg)

Jake Ellenberger vs. Bryan Barberena

Em uma luta rápida, Bryan Barberena passou o trator sobre o experiênte Jake Ellenberger. Depois de uma sequência contundente de golpes, Ellenberger deu as costas para o adversário no chão, dando sinais de desistência. Não houve alternativa ao arbitro se não encerrar a luta por nocaute técnico.


Após a luta, Ellenberger decidiu se aposentar do MMA. Desde 2005 lutando, Ellenberger é um veterâno respeitado no mundo do MMA, mas vinha de uma pessima sequência no UFC, com 3 derrotas consecutivas (4 com essa última luta).


John Moraga vs. Deiveson Figueiredo (vencedor; nocaute; 3R)

Categoria: Mosca (até 57,2kg)

John Moraga vs. Deiveson Figueiredo

Em uma luta de três rounds, Deiveson Figueiredo, o "Deus da Guerra" emplacou mais uma vitória na carreira, a décima quarta seguida ao vencer John Moraga. Foi uma vitória importante para o brasileiro. Moraga vinha de uma sequência também boa, de três vitórias consecutivas. Depois de dois rounds de superioridade, Figueiredo no final do terceiro round, acertou um bom chute alto, levando o norte-americano ao nocaute.


Eryk Anders (vencedor; nocaute; 3R) vs. Tim Williams

Categoria: Médio (até 84,4kg)

Eryk Anders vs. Tim Williams

Na primeira luta do card principal, Eryk Anders venceu por nocaute Tim Williams. Williams havia feito um excelente primeirou round. Eryk Anders estava se movimentando bem, no entanto sem mostrar efetividade. No round seguinte a luta se inverteu. Anders cresceu na luta, conseguindo mostrar superioridade na trocação e dessa vez, efetividade. Chegou inclusive a cortar o rosto de Williams. No round que desempataria a luta, Anders acertou um chute (polêmico) certeiro no rosto de Williams, levando-o a nocaute.


Card preliminar


Com apenas 1min e 33segs o brasileiro Rani Yahya consegue uma finalização por chave de tornozelo no norte-americano Luke Sanders! Na entrevista ainda no octogono, Yahya desafiou um campeão da categoria dos galos, T.J. Dillashaw. Essa foi a terceira vitória consecutiva do brasileiro.


Na segunda luta da noite, Drew Dober obteve uma vitória por decisão unânime (30-26, 30-26, 30-27) sobre Jon Tuck. Dober dominou Tuck em todos os rounds, sendo o último por maior vantagem. Apenas no início do 2R, Tuck mostrou alguma superioridade, quase finalizando Dober com uma guilhotina. Mas não foi o suficiente para reverter o resultado da luta. Apesar de vir de uma vitória, Tuck vem de uma sequência bastante irregular na organização, com 4 derrotas nas últimas 8 lutas.


Na primeira luta feminina da noite, Kalindra foi finalizada por Calderwood ainda no primeiro round. Essa era uma luta importante para ambas as lutadoras. As duas vinham de duas derrotas consecutivas. Kalindra vinha fazendo um ótima luta. Não só ela esteve no chão por cima por todo o round, como esteve bastante ativa durante o round, sempre procurando algum golpe, mesmo no chão. Mas nos últimos segundos, Calderwood pegou a brasileira num triângulo, finalizando-a no último seg.


Em uma luta relâmpago, Mickey Gall precisou de apenas 69 segundos para finalizar George Sullivan com uma guilhotina.


Andrew Sanchez conseguiu mostrar uma boa superioridade no primeiro round, ao mesmo tempo que Markus Perez, vulgo Marcão, mostrou um primeiro round apático. No intervalo, seu coach apelou para o emocional: "Como vc vai mudar sua vida ficando na grade?! Vc tem só dois rounds pra mudar sua vida!" esbravejou o corner do brasileiro no intervalo. No último round Marcão cresceu. Seu corner continuou apelando para o emocional do brasileiro, instigando-o a dar o máximo na luta. Apesar da vantagem, não foi o suficiente para levar a luta. Andrew venceu por decisão unânime dos arbitros de mesa (29-28, 29-28, 29-28). Uma curiosidade, Marcão entrou no octogono ao som do tema do Hadouken do desenho japonês Street Fighter II Victory.


Depois de um primeiro round sensacional, Cory Sandhagen retornou das cinzas e derrotou Iuri Alcantara por nocaute técnico. No round inicial, Iuri Alcantara por muito pouco conseguiu finalizar Cory. A cena foi impressionante. O braço de Cory parecia virado ao contrário já, mas o norte-americano não bateu. Depois de conseguir escapar da finalização, Cory Sandhagen se recuperou e rapidamente assumiu o controle da luta, impondo uma série de golpes contuendentes em Alcantara. Visivelmente atordoado, Alcantara foi presa fácil para Cory que conseguiu ainda no inicio do segunda round um nocaute técnico sobre o brasileiro.


James Krause e Warlley Alves fizeram a última luta do card preliminar. Krause vinha mostrando um volume de jogo em pé muito superior ao de Warley. Mas, com o brasileiro visivelmente mais cansado e, consequentemente, lento, Krause não teve tanta dificuldade para levar o primeiro round. No segundo round, Warlley iniciou a luta em um ritmo mais forte, partindo pra trocação, mas sem sucesso. Mais consistênte e cerebral durante a luta, Krause, esperou o gás de Alves acabar e contratacou. Depois de levar uma joelhada brutal, Krause partiu para a trocação franca, levando Warlley ao nocaute técnico.


Silvio Doria

Pós-Luta / Post-Fight

Nosso objetivo é trazer a nossos leitores reportagens e análises de qualidade, além de coberturas play-by-play de eventos do mundo do MMA e do Boxe. Trabalho desenvolvido por Silvio e Flavio Doria (registro de jornalistas: MTB 0082740/SP e MTB 0080216/SP, respectivamente), ambos membros da MMA Journalists Association. 

PosLuta.com | Copyright © 2019 | Todos os direitos reservados.